Transtorno doloroso persistene


A pessoa apresenta uma dor intensa, persistente e angustiante causada por conflitos emocionais ou problemas sociais que piora muito diante de situações estressantes. Os locais dolorosos costumam ser: cabeça, região lombar, região abdominal, região pélvica, face, membros inferiores e superiores, etc. Geralmente a preocupação desta pessoa é desgastante e compromete demasiadamente sua qualidade de vida. Os tratamentos clínicos propostos costumam não trazer melhora satisfatória tornando-se frustrante tanto para o profissional assistente como para o portador do transtorno. Também é comum a necessidade de uma equipe multiprofissional para atender as necessidades do caso, sendo fundamental uma avaliação rigorosa do contexto biopsicossocial. Saliente-se que as dores não são simulações ou consequências de outros transtornos mentais.
RISCOS: comprometimento acentuado da qualidade de vida. Gastos econômicos elevados com as propostas terapêuticas.
Charge: Camilo Riani

Artigos recomendados