Dr. Aidecivaldo F. de Jesus
Psiquiatra
CRM:20350 - RQE:22153

Minha Trajetória


Meu nome é Aidecivaldo, mas acostumei-me a ser chamado de Aidê. Sou graduado em medicina pela Faculdade de Medicina de Itajubá (e lá se vão mais de 30 anos de pratica profissional), fiz mestrado em Educação na Universidade São Francisco e doutorado em Saúde Coletiva na Unicamp. Isso por que, em algum momento, senti a necessidade de me tornar pesquisador, pois a curiosidade e vontade de aprender sempre foram tantas, que precisava sistematizar essa formação. Na verdade me considero um inquieto e voraz aprendiz sobre a vida. Talvez por isso, também tenha me aventurado em tantas áreas diferentes, sempre atento ao que me ensinariam sobre o comportamento das pessoas. Portanto, sou psiquiatra, professor, pesquisador, escritor, músico e sanitarista.

Minhas primeiras publicações coletivas foram dois livros organizados pelo Dr. Marcos Nogueira (Diagnóstico psiquiátrico – um guia e o Exame das funções mentais – um guia). Posteriormente publiquei meu primeiro livro solo (Lendas no cotidiano humano do Bicho de Sete Cabeças – a vida pode ser mais simples do que imagina) e novamente participei de outra coletânea sobre Análise Institucional e Saúde Coletiva (organizados pelas professoras Solange L’Abbate, Lucia Cardoso Mourão e Luciane Maria Pezzato). Em seguida publiquei outro livro-solo, a partir da tese de doutorado (Saúde Mental no contexto da realidade brasileira – as peripécias de uma equipe multiprofissional). Este já em sua segunda edição, lançada agora, em 2017.

Se não bastasse a escrita acadêmica, também participei (como percussionista e cantor) de dois CDs (“Viola de todos os cantos” e “Em nome do Vento”), gravados com o grupo Vento Viola e o violeiro Levi Ramiro, onde algumas letras de músicas pudemos produzir, eu e meus parceiros. No entanto, minha atividade profissional principal é no consultório onde faço atendimentos clínico-psiquiátricos. Mas também dou aulas para universitários (atualmente no curso de psicologia da Fundação de Ensino e Pesquisa de Itajubá - FEPI), quando sempre me encanto, descubro, ensino e aprendo sobre os mistérios do ser “pessoa”, além de fazer parte de um grupo de pesquisa do CNPq (Análise Institucional e Saúde Coletiva).

Ou seja, são muitas atividades, todas prazerosas, que me levam constantemente à reflexão e ao aprender com o outro. Sendo assim, tornou-se necessário um espaço organizado onde pudesse compartilhar ideias, opiniões, propostas terapêuticas, esclarecer dúvidas e/ou propor debates que potencializassem o aprendizado sobre o comportamento humano.

Daí o site, a fanpage... Ou seja, as prosas, cá com meus botões e, principalmente, com você.